Carregando...

CPA

Início Institucional

Comissão Própria de Avaliação - CPA

A avaliação institucional é uma ferramenta de averiguação que tem como campo de avaliação tanto no interior da faculdade (nível micro), quanto no caso da avaliação no interior do sistema de ensino (nível macro) realizada de forma externa por avaliadores do Ministério da Educação.

A Lei Federal nº 10.861, de 14 de abril de 2004, instituiu o Sistema Nacional de Avaliação Superior – SINAES, que preconiza que toda instituição, pública ou privada, constituirá uma Comissão Própria de Avaliação – CPA.

A comissão da FSL é formada por representantes do corpo docente (professores), discente (estudantes) e também do corpo técnico-administrativo (funcionários) e sociedade. A CPA é responsável pela autoavaliação da instituição considerando, obrigatoriamente, as dez dimensões institucionais, que são:

  • Missão e plano de desenvolvimento institucional;
  • política para o ensino, a pesquisa, a pós-graduação e a extensão;
  • responsabilidade social;
  • comunicação com a sociedade;
  • políticas de pessoal;
  • organização e gestão da instituição;
  • infraestrutura.

O objetivo da CPA é promover a melhoria da qualidade da educação superior por meio do processo de Avaliação Institucional como instrumento norteador das ações e transformações necessárias ao pleno desenvolvimento da Instituição.

A ênfase no processo de auto avaliação fundamenta-se na busca de articulação entre o ensino, a pesquisa e a extensão, definida em seu PDI e voltada para a formação, responsabilidade social e transformação institucional.

A capacidade de desenvolver consciência crítica sobre os problemas e a realidade institucional é um objetivo fundamental, pois todo processo genuíno de autoavaliação institucional tem que levar em consideração os indicadores internos e externos, que venham a ser obtidos por instrumentos e meios de acompanhamento da gestão.

Dentro dessa linha, promove-se a distribuição dos dados e informações obtidos, a fim de subsidiar os colegiados e os gestores da Instituição, os quais têm as atribuições de interpreta-los, a fim de aperfeiçoar a gestão e as políticas de ensino, pesquisa e extensão.

Juntamente com as finalidades propostas pelo SINAES, o princípio norteador para o seu processo de autoconhecimento baseia-se em experiências bem sucedidas e potencialidades, identificando, contudo, pontos a serem aperfeiçoados.

Para obter mais informações sobre o relatório de atividades da CPA, clique aqui.